Wiki Danganronpa
Advertisement


Danganronpa: Trigger Happy Havoc Galeria Troféus


Danganronpa THH logo.png
Puxe o gatilho!

Danganronpa: Trigger Happy Havoc, conhecido no Japão como Dangan Ronpa: Kibō no Gakuen to Zetsubō no Kōkōsei (ダンガンロンパ 希望の学園と絶望の高校生) é um jogo de visual novel japonês desenvolvido pela Spike Chunsoft, e o primeiro jogo da série Danganronpa. Foi lançado no Japão em 25 de Novembro de 2010, para PlayStation Portable, e mais tarde foi portado para PlayStation Vita, iOS/Android, PlayStation 4 e PC. Uma demonstração do jogo chamada Dangan Ronpa: Kibō no Gakuen para Zetsubō no Kōkōsei (Trial Version), com uma versão modificada do primeiro capítulo, foi lançada exclusivamente no Japão em 10 de Outubro de 2010. O jogo foi posteriormente localizado e lançado em Inglês pela NIS America em 11 de Fevereiro de 2014.

O jogo foi relançado com conteúdo adicional como parte da coleção Danganronpa 1.2 Reload no PS Vita, PS4 e PC junto com a sequência do jogo Danganronpa 2: Goodbye Despair.

Uma versão portátil para dispositivos Android e iOS foi lançada no Japão em 20 de agosto de 2012 e foi relançada mundialmente em 21 de Maio de 2020 como parte do 10º Aniversário de Danganronpa com conteúdo adicional.

Sinopse

"Colégio Topo da Esperança é o lar dos mais brilhantes alunos do ensino médio do Japão. Eles são a esperança do futuro. Mas essa esperança morre repentinamente quando Makoto Naegi e seus colegas se encontram presos dentro da escola, sem contato com o mundo externo e sujeitos aos caprichos de um ursinho estranho e homicida chamado Monokuma. Ele coloca os estudantes uns contra os outros, prometendo liberdade a quem matar um colega e se safar do crime. Cabe a você descobrir quem realmente Monokuma é e por quê você foi retirado do mundo que conhecia. Mas cuidado com o que você deseja: às vezes nada é mais letal do que a verdade..." - Sinopse oficial [1][2]


Gameplay

Em Danganronpa: Trigger Happy Havoc, o jogador controla Makoto Naegi, um estudante em Topo da Esperança que é forçado a um jogo de morte com outros estudantes. Cada capítulo é dividido em duas partes: Vida Escolar, em que o jogador pode explorar a academia e progredir na história, e Julgamento de Classe, em que o jogador deve deduzir o culpado de um assassinato.

Uma captura de tela de uma conversa com Sayaka Maizono.

Durante a Vida Escolar, o jogador pode explorar o terreno da escola na perspectiva da primeira pessoa. Em certos locais, o jogador move um cursor em forma de cruz para conversar com outros personagens e interagir com vários objetos. O exame de objetos específicos produz ao jogador Monomoedas, que podem ser trocados por presentes da Máquina Toda-Poderosa Monomono localizada na loja da escola. Conforme o jogo avança, mais áreas na academia se tornam disponíveis, juntamente com lugares que foram fechados nos capítulos anteriores em pisos acessíveis.

A vida escolar é dividida em duas seções: "Vida Diária" e "Vida Mortal". Na Vida Diária, os jogadores conversam com outros personagens e progridem na história. Ao falar com outros personagens, alguns comentários podem ser "reagidos" para revelar novas informações. A Vida Diáriaa também apresenta segmentos de "Tempo Livre", onde o jogador pode passar seu tempo com outros personagens e dar-lhes presentes, que por sua vez revelam mais informações sobre eles e desbloqueiam "habilidades", que auxiliam o jogador em certos aspectos do Julgamento de Classe e "pontos de habilidade", que determinam o número de habilidades que podem ser usadas.

Debate Sem Parar

Assim que um assassinato ocorre, o jogo muda para Vida Mortal, onde o jogador deve procurar pistas em toda a academia. Provas e testemunhoa, ou "Balas da Verdade", são armazenados no e-Manual do jogador. Depois que todos as Balas da Verdade possíveis forem encontradas, o jogo muda para o Julgamento de Classe.

No Julgamento da Classe, os estudantes devem discutir entre si quem é o assassino. A dificuldade lógica do jogo determinará como os fatos são mostrados e o quão lógicos eles são (a dificuldade lógica pode ser alterada nas configurações quase a qualquer momento). O Julgamento de Classe consiste em quatro modos de jogo principais: Debate Sem Parar, Caça-Palavras, Batalha de Bala de Tempo e Encerramento dos Argumentos. O mais comum deles é o Debate Sem Parar, no qual os personagens discutirão o que pensam sobre o caso. Durante essas seções, o jogador está armado com "Balas da Verdade", balas metafóricas contendo evidências relevantes para o caso. Para interromper o debate, o jogador deve encontrar uma mentira ou contradição entre os “pontos fracos” - palavras destacadas em amarelo - na argumentação dos personagens e atirar neles com o marcador da verdade correto. Em Caça-Palavras, o jogador deve atirar letras específicas para soletrar uma pista. Batalha de Bala de Tempo é um debate um-a-um contra outro aluno com um estilo de jogo de ritmo. Enquanto o oponente faz comentários, o jogador deve pressionar os botões no ritmo da batida para travar os comentários e derrubá-los. Para encerrar o caso, o Encerramento dos Argumentos é um quebra-cabeça no qual o jogador monta uma história em quadrinhos que descreve como o assassinato aconteceu.

Batalha de Bala de Tempo.

Ocasionalmente, o jogador deve responder a uma pergunta de múltipla escolha e apresentar um fragmento de evidência para progredir no Julgamento de Classe. A "Influência" do jogador entre os outros estudantes é representada por corações, que é reduzida sempre que o jogador comete erros ao atirar em contradições ou ao apresentar evidências e é ligeiramente substituída quando o jogador faz o contrário. O jogo termina se o jogador perder toda a sua Influência ou se ficar sem tempo durante um segmento. No final de uma tentativa, o jogo classifica o desempenho do jogador e o recompensa com Monomoedas.

Quando o jogador completa um capítulo, uma tela com contornos da silhueta de cada aluno aparece. O texto na parte superior da tela exibe "Alunos Sobreviventes" - embora momentos depois, as cores do sprite das vítimas mudem para mostrar sua mudança de status de vivo para morto conforme o número na parte inferior muda de acordo com o número de alunos sobreviventes.

Guia dos Jogos

Danganronpa V3 Monokuma Modo Bônus Ícon de Pixel (7).gif Danganronpa V3 Máquina Monomono Modo Bônus Pixel.png Danganronpa 1 Modo Escolar Makoto Naegi Pixel Sprite 02.gif Aoi Asahina Modo Escolar Ícone de Pixel (5).gif
Julgamentos de Classe Presentes Eventos de Tempo Livre Modo Escolar

Personagens Principais

Monokuma (モノクマ) Makoto Naegi (苗木誠)
Diretor Ultimate Estudante Sortudo
Monokuma AV ID.png
BandeiraJP.png Nobuyo Ōyama
BandeiraEN.png Brian Beacock[3]
Makoto Naegi AV ID.png
BandeiraJP.png Megumi Ogata
BandeiraEN.png Bryce Papenbrook[4]
Perfil Oficial (Inglês) Perfil Oficial (Inglês)
Aoi Asahina (朝日奈葵) Byakuya Togami (十神白夜)
Ultimate Nadadora Profissional Ultimate Herdeiro
Aoi Asahina AV ID.png
BandeiraJP.png Chiwa Saitō
BandeiraEN.png Cassandra Lee Morris[5]
Byakuya Togami AV ID.png
BandeiraJP.png Akira Ishida
BandeiraEN.png Jason Wishnov[6]
Perfil Oficial (Inglês) Perfil Oficial (Inglês)
Celestia Ludenberg (セレスティアルーデンベルク) Chihiro Fujisaki (不二咲千尋)
Ultimate Apostadora Ultimate Programador
Celestia Ludenberg AV ID.png
BandeiraJP.png Hekiru Shiina
BandeiraEN.png Marieve Herington
Chihiro Fujisaki AV ID.png
BandeiraJP.png Kōki Miyata
BandeiraEN.png Dorothy Elias-Fahn[7]
Perfil Oficial (Inglês) Perfil Oficial (Inglês)
Hifumi Yamada (山田一二三) Junko Enoshima (江ノ島盾子)
Ultimate Criador de Fanfic Ultimate Fashionista
Hifumi Yamada AV ID.png
BandeiraJP.png Kappei Yamaguchi
BandeiraEN.png Lucien Dodge[8]
Mukuro Ikusaba Disfarçada AV ID.png
BandeiraJP.png Megumi Toyoguchi
BandeiraEN.png Amanda Céline Miller[9]
BandeiraEN.png Erin Fitzgerald[10]
Perfil Oficial (Inglês) Perfil Oficial (Japonês)
Kiyotaka Ishimaru (石丸清多夏) Kyoko Kirigiri (霧切響子)
Ultimate Compasso Moral Ultimate ???
Kiyotaka Ishimaru AV ID.png
BandeiraJP.png Kōsuke Toriumi
BandeiraEN.png Sean Chiplock[11]
Kyoko Kirigiri AV ID.png
BandeiraJP.png Yōko Hikasa
BandeiraEN.png Erika Harlacher[12]
Perfil Oficial (Inglês) Perfil Oficial (Inglês)
Leon Kuwata (桑田怜恩) Mondo Owada (大和田紋土)
Ultimate Estrela do Baseball Ultimate Líder de Gangue de Motoqueiros
Leon Kuwata AV ID.png
BandeiraJP.png Takahiro Sakurai
BandeiraEN.png Grant George[13]
Mondo Owada AV ID.png
BandeiraJP.png Kazuya Nakai
BandeiraEN.png Keith Silverstein[14]
Perfil Oficial (Inglês) Perfil Oficial (Inglês)
Sakura Ogami (大神さくら) Sayaka Maizono (舞園さやか)
Ultimate Artista Marcial Ultimate Sensação Pop
Sakura Ogami AV ID.png
BandeiraJP.png Kujira
BandeiraEN.png Jessica Gee-George[15]
Sayaka Maizono AV ID.png
BandeiraJP.png Makiko Ōmoto
BandeiraEN.png Dorothy Elias-Fahn[7]
Perfil Oficial (Inglês) Perfil Oficial (Inglês)
Toko Fukawa (腐川冬子) Yasuhiro Hagakure (葉隠康比呂)
Ultimate Literária Ultimate Clarividente
Toko Fukawa AV ID.png
BandeiraJP.png Miyuki Sawashiro
BandeiraEN.png Amanda Céline Miller[9]
BandeiraEN.png Erin Fitzgerald[10]
Yasuhiro Hagakure AV ID.png
BandeiraJP.png Masaya Matsukaze
BandeiraEN.png Kaiji Tang[16]
Perfil Oficial (Inglês) Perfil Oficial (Inglês)

Desenvolvimento

DISTRUST

DISTRUST era um visual romance criado pelo escritor e diretor Kazutaka Kodaka. A premissa geral era "15 adolescentes matando o tempo ou nossa guerra de sobrevivência de 7 dias" (15少年少女殺戮期 もしくはボクらの7日間生存戦争), e foi co-desenvolvida por Kodaka ao lado do produtor da Spike Chunsoft (então Spike) Yoshinori Terasawa e o designer de personagens, Rui Komatsuzaki entre 2007 e 2009. O jogo apresentava sangue realista em um ambiente pós-apocalíptico, industrial e corajoso dentro do prédio da escola, e uma paleta de cores suave. Durante o desenvolvimento, determinou-se que a estética horripilante deste protótipo, juntamente com a pequena participação de mercado do nicho PlayStation Portable console, tornou o jogo potencialmente não comercializável e o desenvolvimento do jogo foi descartado. Apesar do cancelamento, o jogo foi retrabalhado pela equipe no que mais tarde se tornou Danganronpa: Trigger Happy Havoc, que compartilha muitas semelhanças com seu predecessor cancelado, com muitos nomes de personagens, designs e a premissa geral da história sendo levada adiante.

Recepção

Recepção Crítica

Danganronpa: Trigger Happy Havoc recebeu críticas favoráveis ​​na mídia de jogos japoneses e foi premiado com uma avaliação de pré-lançamento de 36/40 pela Famitsu[17]. A localização em inglês do jogo ganhou uma pontuação agregada da revisão Metacritic de 80 para o lançamento no PS Vita[18] e uma pontuação de 82 para a versão para PC,[19] indicando análises geralmente favoráveis.

A adaptação em inglês ganhou vários prêmios, incluindo "Melhor Jogo Exclusivo para Vita de 2014" e "Melhor Aventura de 2014" da Game Informer, [20] "Melhor História de 2014" da RPGFan[20] e "Melhor Jogo de Aventura Gráfico de 2014",[21] O "Melhor Novo Personagem de 2014" (Monokuma) do Hardcore Gamer[22] e o 14º lugar do Metro em seus "Top 20 Jogos de 2014".[23]

Análises

Análises do lançamento original do PS Vita em inglês em 11 de Fevereiro de 2014.

Digitally Downloaded ★★★★★ 100%
Gaming Age A- 91%
God is a Geek 9/10 90%
Playstation Universe 9 90%
RPG Fan 90% 90%
USgamer 90% 90%
Destructoid 8.5/10 85%
IGN 8.5/10 85%
Game Informer 85/100 85%
Gaming Trend 85/100 85%
Play UK 85% 85%
Polygon 8/10 80%
Digital Spy ★★★★☆ 80%
The Escapist ★★★★☆ 80%
Gamespot 8/10 80%
Push Square 8/10 80%
Giant Bomb ★★★☆☆ 60%
The Telegraph ★★★☆☆ 60%

Vendas

Foi lançado para PSP em 25 de Novembro de 2010 e, em 25 de Agosto de 2012, mais tarde foi disponibilizado para iOS e Android OS no Japão. O jogo foi lançado em 13 de Janeiro de 2014, em Taiwan, 11 de fevereiro de 2014, na América do Norte, e na Europa e Austrália em 14 de Fevereiro de 2014. Vendeu 25,564 cópias no Japão na primeira semana, estreando em 8º lugar no semanário gráficos de vendas de jogos,[24] e três meses de vendas venderam mais de 85,000 cópias.[25]

Trilha Sonora

Artigo Principal: Danganronpa: Trigger Happy Havoc (Trilha Sonora Original)


Anime

Danganronpa The Animation Capa.png

Danganronpa: The Animation (ダンガンロンパ: The Animation) foi uma adaptação fiel, mas resumida de 13 episódios de Danganronpa: Trigger Happy Havoc produzida pelo estúdio de animação Lerche, que apresentou a voz japonesa original do jogo voltando a dar voz aos personagens. A série estreou em 4 de Julho de 2013 e foi transmitida simultaneamente com legendas em Inglês pela Funimation em sua plataforma de streaming. Posteriormente, versões dubladas totalmente traduzidas da série foram lançadas em inglês pela Funimation em 9 de Novembro de 2015 e em Alemão pela FilmConfect em 26 de Agosto de 2016. A série também foi legendada em Alemão, Francês, Italiano e Espanhol.

Como a adaptação foi legendada pela Funimation ao mesmo tempo que o jogo estava sendo traduzido pela NIS America, ambas as versões legendadas e dubladas em inglês do anime têm um cânone separado do jogo em termos de determinada terminologia, mais notavelmente os talentos dos personagens sendo literalmente traduzido como "Super Nível Colegial" em vez de "Ultimate", e nomes de personagens como Mondo Owada sendo romanizados como Mondo Ohwada. Apesar das críticas de alguns fãs por seu desvio dos jogos, o estilo de localização foi mantido na sequência da série de anime de 2016 Danganronpa 3: O Fim do Colégio Topo da Esperança por razões de consistência.

Mangá

Capa do Mangá - Danganronpa Demo Mangá (Frente) (Japonês).png
Danganronpa: Kibō no Gakuen to Zetsubō no Kōkōsei (Trial Version)
Uma adaptação do mangá de 1 volume de Dangan Ronpa: Kibō no Gakuen para Zetsubō no Kōkōsei (Trial Version), que apresenta uma versão alternativa do Capítulo 1 do que aquela que aparece no jogo completo. O mangá foi lançado no Japão em 10 de Outubro de 2010, como um bônus de pré-venda para aqueles que pré-encomendaram Danganronpa: Trigger Happy Havoc de TSUTAYA.
Capa do Mangá - Danganronpa Kibō no Gakuen to Zetsubō no Kōkōsei (mangá) Volume 1 (Frente) (Japonês).jpg
Danganronpa: Kibō no Gakuen to Zetsubō no Kōkōsei
Uma adaptação do mangá de Danganronpa: Trigger Happy Havoc serializado no Japão em Famitsu Comic Clear entre Junho de 2011 - Outubro de 2013, e posteriormente lançado em 4 volumes pela Enterbrain.
Capa do Mangá - Danganronpa 4koma Kings Volume 1 (Frente) (Japonês).jpg
Danganronpa: Kibō no Gakuen to Zetsubō no Kōkōsei 4koma KINGS
4 volumes de quadrinhos yonkoma baseados em Danganronpa: Trigger Happy Havoc publicado pela DNA Media Comics de 25 de Julho de 2011 a 24 de Abril de 2014.
Capa do Mangá - Danganronpa Kibo no Gakuen to Zetsubo no Kokosei Comic Anthology Volume 1 (Frente) (Japonês).png
Danganronpa: Kibō no Gakuen to Zetsubō no Kōkōsei Comic Anthology
4 volumes de mangás de contos baseados em Danganronpa: Trigger Happy Havoc contribuídos por muitos artistas diferentes e publicados pela DNA Media de 25 de Agosto de 2011 a 24 de Maio de 2014.
Capa do Mangá - Danganronpa The Animation Volume 1 (Frente) (Inglês).jpg
Danganronpa: The Animation
Adaptação em mangá do anim eDanganronpa: The Animation, que foi uma adaptação de Danganronpa: Trigger Happy Havoc. Serializado no Japão em Shonen Aceentre de Julho de 2013 e Julho de 2014, e posteriormente lançado em 4 volumes pela Kodokawa Comics. Este mangá foi lançado em Inglês pela Dark Horse. O mangá também foi lançado em Alemão, Chinês e Espanhol.
Capa do Mangá - Danganronpa The Animation Dengeki Comic Anthology (Frente) (Japonês).jpg
Danganronpa: Kibō no Gakuen to Zetsubō no Kōkōsei The Animation Dengeki Comic Anthology
Uma segunda antologia de mangá - não relacionada às antologias anteriores - publicada pela Dengeki Comics em 27 de Agosto de 2013, e baseada em Danganronpa: The Animation. Novamente apresenta uma variedade de diferentes artistas contribuindo com contos baseados no universo Danganronpa: Trigger Happy Havoc.

Final Alternativo

Danganronpa: Another End

Another End é um final alternativo descartado de "Danganronpa: Trigger Happy Havoc" que veio a público apenas em japonês. Ele nunca passou dos estágios de desenvolvimento, por isso não está presente no jogo.

Página escaneada do volume 3 do conjunto de Blu-Ray de Danganronpa 3

Peças de Teatro

Danganronpa: Trigger Happy Havoc foi adaptado para uma peça de teatro no Japão pela companhia de produção de teatro Cornflakes. Houve duas produções distintas desta peça, uma em 2014 e novamente em 2016.

Danganronpa The Stage 2014 Pôster.jpg
Danganronpa The Stage 2016 Pôster.jpg
Danganronpa:
THE STAGE 2014
Danganronpa:
THE STAGE 2016

Sequência

Artigo Principal: Danganronpa 2: Goodbye Despair

Uma sequência intitulada Danganronpa 2: Goodbye Despair foi lançada em 2012 pela Spike para o PlayStation Portable. Danganronpa 2 apresenta mais variedade de jogabilidade na história principal e conteúdo adicional ao seu antecessor. Um pacote intitulado Danganronpa 1.2 Reload que apresenta os dois primeiros jogos foi lançado em 2013 para o PlayStation Vita.

Galeria

Artigo Principal: Danganronpa: Trigger Happy Havoc/Galeria


Vídeos

Curiosidades

  • O título da série, Danganronpa, é composto das palavras "bala" (弾丸 dangan) e "refutação" (論破 ronpa).
  • Como um jogo definido em parte por sua estética ousada, Danganronpa originalmente deveria ter uma paleta de cores monocromáticas puramente preto e branco, mas com o sangue rosa original que mais tarde foi decidido ser sangue totalmente vermelho para fazer com que ocorrências de morte bastas sem, semelhante ao hiper-violento jogo da Sega MadWorld. Mesmo depois que o esquema de cores foi retrabalhado para ser mais convencional, o sangue foi estilisticamente colorido de volta ao rosa brilhante para criar o mesmo efeito visual.
  • Danganronpa 1 Para Ser Continuado Beta.png
    Na tela "Para Ser Continuado" entre os capítulos, as silhuetas são os primeiros designs beta de cada personagem. Embora essas imagens nunca sejam vistas no jogo, elas ainda podem ser encontradas usando ferramentas de mineração de dados, já que foram usadas como espaços reservados durante o desenvolvimento e podem ser vistas em algumas capturas de tela em desenvolvimento. Essas mesmas imagens são visíveis nos perfis dos personagens, que podem ser desbloqueados na galeria.

Links externos

Referências

  1. Steam: Danganronpa: Trigger Happy Havoc
  2. NISA Store: Danganronpa: Trigger Happy Havoc
  3. Ícone do Twitter.png Brian Beacock: "Hey thanks! And yes I did play Monokuma! I have the sore throat to prove it! :)" (Imagem do tweet) (25 de Fevereiro de 2014)
  4. Ícone do Twitter.png Bryce Papenbrook: "Had an amazing time recording DanganRonpa: Trigger Happy Havoc! Check me out as Makoto Naegi! #DanganRonpa" (Imagem do tweet) (22 de Julho de 2013)
  5. Ícone do Twitter.png Cassandra Lee Morris: ""Official announcement: Yes, that is me as Aoi Asahina in Danganronpa: Trigger Happy Havoc! Out now for PS Vita."" (Imagem do tweet) (13 de Fevereiro de 2014)
  6. Jason Wishnov: "I'm happy to say that I'll be playing the part of Byakuya Togami in the English localization of Dangan Ronpa!" (Imagem da publicação) (18 de Julho de 2013)
  7. 7,0 7,1 Ícone do Twitter.png Dorothy Elias-Fahn: "Oh Chihiro will be back in V3, as well as Sayaka and...?!😃" (Imagem do tweet) (2 de Julho 2017)
  8. Ícone do Twitter.png Lucien Dodge: "Had fun today recording the very eccentric Hifumi Yamada in "Danganronpa: Trigger Happy Havoc", coming out for the PS Vita in early 2014." (Imagem do tweet) (15 de Julho de 2013)
  9. 9,0 9,1 Ícone do Twitter.png Amanda Céline Miller: "According to Amazon, #DanganRonpa will be coming out on Feb 18. You can hear me as Junko and Touko. Super excited!" (Imagem do tweet) (11 de Novembro 2013)
  10. 10,0 10,1 Ícone do Twitter.png Erin Fitzgerald: "I can officially announce that I share the roles of Touka Fukawa & Junko Enoshima with @Amanda_Celine (NDA on why) in #DanganRonpa #Play2C" (Imagem do tweet) (7 de Dezembro de 2013)
  11. Ícone do Twitter.png Sean Chiplock: "Happy to reveal that you can hear me as Kiyotaka Ishimaru in DanganRonpa: Trigger Happy Havoc, due out in early 2014!" (Imagem do tweet) (17 de Agosto de 2013)
  12. Ícone do Twitter.png Erika Harlacher: "Be sure to listen for me as Kyoko Kirigiri in the game "Danganronpa: Trigger Happy Havoc" coming to PS Vita in 2014!" (Imagem do tweet) (18 de Julho de 2013)
  13. Ícone do Twitter.png Grant George: ""Danganronpa is taking over my life! Got to hear some awesome voices from @GrantGeorgeVO & @JessicaGeeVO. Leon was my fav...too soon T_T" "Thanks for the tweet, Cayla! Glad you are loving it!"" (Imagem do tweet) (8 de Janeiro 2015)
  14. Ícone do Twitter.png Keith Silverstein: ""Well it is Flashback Friday so anyone remember this one? #Mondo #Danganronpa #TriggerHappyHavoc"" (Imagem do tweet) (3 de Fevereiro de 2017)
  15. Ícone do Twitter.png Jessica Gee-George: "I never remember my characters! I can find out for you. (...) Sakura Ogami I believe." (Imagem do tweet) (17 de Fevereiro de 2014)
  16. Ícone do Twitter.png Kaiji Tang: "Cast is green lit to talk about it so! I'll be voicing Yasuhiro Hagakure in "Danganronpa: Trigger Happy Havoc"! Check it out early 2014!" (Imagem do tweet) (15 de Julho de 2013)
  17. Nintendo Everything: Complete Famitsu review scores
  18. Metacritic: Danganronpa: Trigger Happy Havoc (PS Vita)
  19. Metacritic: Danganronpa: Trigger Happy Havoc (PC)
  20. RPG Fan: Best Story of 2014 Award
  21. RPG Fan: Best Graphic Adventure Award
  22. Hardcore Gamer: Best New Character (Monokuma)
  23. Metro: Top 20 Games of 2014
  24. "Gran Turismo 5 Tops the Charts in Japan"
  25. "Danganronpa Sells 85,000 Units, Spike CEO Grins Like Mono-Bear"

Navegação

v  e
VÍDEO GAMES
Jogos de Console Danganronpa: Trigger Happy HavocDanganronpa 2: Goodbye DespairDanganronpa 1.2 ReloadDanganronpa Another Episode: Ultra Despair GirlsDanganronpa V3: Killing HarmonyDanganronpa Trilogy
Betas & Demos DISTRUSTDanganronpa 1 (Trial Version)Danganronpa V3: Killing Harmony (Demo Version)
Aplicativos Mobile Danganronpa: Unlimited BattleDanganronpa: Monokuma no GyakushūAlter Ego (App)
Jogos de Navegador Monokuma FactoryMonoMono Machine Web VersionNew MonoMono Machine
Spin-Offs Cyber Danganronpa VR The Class TrialKirigiri Sou
Advertisement